telefone(85) 4009.6300

Cerca de 19 mil trabalhadores da indústria cearense participam de programa para prevenção ao uso de álcool e drogas

01/06/2015 - 16h06

Segundo estudo da UNB, 23% dos transtornos mentais que mais afastam na indústria brasileira estão diretamente relacionados ao uso de drogas

Cerca de 19 mil trabalhadores da indústria cearense, alunos dos cursos de Educação Básica e Educação Continuada do SESI/CE promovidos dentro das empresas, serão beneficiados com as ações do Programa de Prevenção ao Uso de Álcool e Drogas. A iniciativa, que teve início em abril e prossegue até novembro deste ano, já envolveu mais de 4 mil operários em Fortaleza, Sobral e Juazeiro do Norte. O objetivo da iniciativa é promover a educação para a saúde dos industriários cearenses, conscientizando-os sobre o não uso de substâncias nocivas à saúde.

Segundo o estudo “Transtornos Psicossociais no Trabalho: A Situação das Indústrias Brasileiras”, 23% dos transtornos mentais que mais afastaram na indústria brasileira no período de 2009 a 2013 estavam diretamente relacionados ao uso de drogas. Ainda segundo o levantamento, feito pela Universidade de Brasília a pedido do SESI Nacional, foram 28.693 afastamentos por mais de 15 dias em 5 anos. Destes, 32% foram devidos ao uso de álcool e 68% devidos ao uso de cocaína e outras substâncias psicoativas.

Estatísticas da Organização Mundial do Trabalho (OIT) indicam que 20% a 25% dos acidentes de trabalho no mundo envolvem pessoas intoxicadas que se machucam a si mesmas e a outros. A entidade aponta o uso de álcool e outras drogas no local de trabalho como um problema de saúde pública que deve ser abordado sem discriminação. Cálculos do Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID) mostram que o Brasil perde por ano US$ 19 bilhões em razão do absenteísmo, acidentes e enfermidades causadas pelo uso do álcool e outras drogas.

O Programa de Prevenção ao Uso de Álcool e Drogas do SESI/CE para trabalhadores é composto de duas ações e está sendo implantando nos municípios de Fortaleza (e Região Metropolitana), Sobral, e Juazeiro do Norte. No primeiro momento, em sala de aula, é ministrado o Curso Prevenção ao Uso de Álcool e Drogas, com carga horária de 4h, por meio de palestras, ações lúdicas e distribuição de material didático. Na segunda etapa, durante o horário do almoço, os trabalhadores são impactados por uma Ação Educativa – palestra, apresentação de teatro de bonecos, e distribuição de material didático - com carga horária de 2h, desenvolvida durante as ações do Serviço Biblioteca Itinerante do Trabalhador (iniciativa que leva uma biblioteca móvel para dentro das indústrias).

Segundo a gerente da área de educação do SESI/CE, Sônia Parente, a conscientização dos trabalhadores é realizada por docentes do SESI/CE que foram capacitados por meio de ações envolvendo teatro, música, estudo de material didático oriundo do Ministério da Educação (MEC), além de debates em grupo sobre questões sociais que fazem parte do tema. O projeto tem como preocupação principal a melhoria dos indicadores de saúde e segurança dos trabalhadores. Nesse contexto, o consumo indevido de drogas é enfocado através da prevenção. “As atividades têm efeitos na saúde integral, nos hábitos e no comportamento do indivíduo, levando-o a atitudes positivas, que se refletem no trabalho e na família. A expectativa é que o desenvolvimento do programa amplie o conhecimento dos trabalhadores, a fim de compreenderem que é necessário tomar medidas de combate às drogas” destaca.

Entre as empresas participantes do projeto estão Grendene, Guararapes, Marisol, Cione, Vicunha, GVT, Dilady, M. Dias Branco, Esmaltec, Isofarma, Malwee, Aço Cearense, Vulcabras, Malory, Martextil, Luneder, IBK, Terramaris, Chaves S.A, dentre outras. As ações do Programa de Prevenção ao Uso de Álcool e Drogas são realizadas durante as aulas do programa Educação do Trabalhador, promovidas em parceria com as indústrias, nos horários da manhã, meio-dia, ou depois do expediente.

Outras informações e contato para entrevistas podem ser obtidas na Gerência de Comunicações da FIEC, pelos telefones (85) 3421.5431 – 3421.5435.

    

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

  • CENTRO INTERNACIONAL DE NEGÓCIOS: Facebook
IEL - Instituto Euvaldo Lodi Núcleo do Ceará | CNPJ: 07.084.577/0001-78
Av. Barão de Studart, 1980 - Mezanino - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
POLÍTICA DE PRIVACIDADE & COPYRIGHT